segunda-feira, 13 de abril de 2009

A Viagem à Lua foi uma Fraude

Esta, sim, é uma revelação surpreendente !
O nosso colaborador TFN, conhecido como Deep Throat, que foi despedido da NASA, enviou-nos uma fotografia em que Neil Armstrong aparece a "caminhar na Lua" só que reflectido no capacete do astronauta vê-se a imagem do cameraman, Michael Medeiros, de ascendência açoreana, e que quando o confrotámos, via telefone, com esta descoberta, nos respondeu"Damn it ! My Father vai kill myself, you son of a bitch, fêlhos da mâ...".
Mais uma vez a TFN - Tele Fake News faz História, alterando a mesma.


TFN - Sempre Consigo ( É mentira, nem sempre consigo !)

6 comentários:

  1. Como eu andava sempre na lua tive o previlégio de assistir a este grande momento.O reporter da TFN mostrou um enorme sentido de oportunidade e os americanos ficaram eternamente agradecidos.

    ResponderExcluir
  2. Alguém me explica o que é isto da TFN?

    ResponderExcluir
  3. Moira de Trabalho13 de abril de 2009 11:18

    Já alguém teve pachorra para ver um documentário da BBC (!) sobre esta controversa?
    A mulher do Stanley Kubrick, após a morte deste em 1999, expôs esta polémica ao revelar que o seu marido terá sido o realizador da famosa 1ª alunagem - num estúdio nos arredores de Londres!
    Terá entregue aos repórteres algumas das bobines originais, não editadas.
    Se têm curiosidade, como eu tive, procurem no YouTube. É, de facto, muito inquietante e como vem da BBC não pode ser um gozação pegada, acho.
    Eu fiquei boquiaberta e já não sei no que acreditar... Querem ver que o Ti Manel lá da horta é que tinha razão?

    ResponderExcluir
  4. O que é que se passou nestes dias?Terei aterrado noutro planeta?
    Para o ano, na Páscoa, vou levar um portátil.

    ResponderExcluir
  5. Porquê a BBC, aqui o galo não é pessoa de bem ?
    Deu a louca em todo o mundo...

    ResponderExcluir
  6. Moira de Trabalho13 de abril de 2009 16:58

    Bom... O Galo é "pessoa" de bem, claro.
    Mas aquele "Fake" ali no meio dá-me para desconfiar que estas notícias podem estar a ser manipuladas. Sei não...

    ResponderExcluir