segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Polaroid is Back

O aparecimento das máquinas fotográficas digitais, levou à falência a Polaroid, cuja licença foi agora vendida, por cerca de 70 milhões de euros ao Summit Global Group.

Está prevista, contudo, a chegada às lojas, em 2010, de novos modelos Polaroid, analógicos e digitais, para além de películas que possam ser utilizados, também, nos modelos antigos.

Enquanto que a produção de máquinas caberá ao Summit Global Group, será a compnhia Impossible Project a desenvolver o fabrico das películas.

Uma boa notícia para todos os saudosistas da marca, entre os quais eu me incluo.
Agora, só tenho é que descobrir onde parará a minha Polaroid velhinha...

8 comentários:

  1. Tive belas experiências eróticas graças a estas máquinas que evitavam a ida aos laboratórios...
    Mas, a minha educação "católica" impede-me de partilhá-las convosco!

    ResponderExcluir
  2. Olha João, eu sei onde está a minha, mas creio que já não a uso vai para uns 8 ou 9 anos...
    Acho que ainda tenho uma "cassette Polaroid 600 extreme" lá dentro e tudo, deve estar absolutamente podre...

    Tenho que ir checkar isso, obrigadinho pelo heads-up.

    :-)

    ResponderExcluir
  3. Ó PG, podia não contar nada, mas, ao menos, deixar que o galo publicasse as polaroides...
    Ah!Ah!Ah! Brincadeira...

    ResponderExcluir
  4. O regresso ao passado, algo que vai acontecendo cada vez com mais frequencia.E ainda bem.
    A citada maquineta fez muita gente feliz, PG incluida!

    ResponderExcluir
  5. PG, que é isso moça? Tá botando as unhinhas de fora?
    Em maladragem, eu sou a dona do pedaço...

    ResponderExcluir
  6. Aqui está uma boa noticia. Aguardemos !

    ResponderExcluir
  7. Gostava tanto de ter uma...

    ResponderExcluir
  8. A minha despensa não está cheia de leite, massas, arroz e compotas!
    Está cheia, até ao tecto, de discos de vinil, sobretudo música dos espantosos anos 70 e 80 dos quais, por tanto lhes querer, nunca me consegui separar...Para não falar da chamada música erudita, quase tudo já duplicado e triplicado, em CD e DVD...

    Gira-discos, cá em casa, há dois, um adquirido com um casamento, e outro oferecido por um amigo, que deixou de o usar!
    No entanto, drama dos dramas: não consigo amplificação decente na aparelhagem "de ponta"
    que adquiri nos primeiros anos do século XXI!

    Com tantas "incompatibilidades", será que as tais películas desta nova Polaroid, quando
    usadas nas antigas, não irão dar-nos fotografias, por exemplo, do Monstro de Loch Ness, quando acabámos de fotografar a nossa tia?!

    Compra hoje, que deitas fora amanhã!
    Depois, voltas a comprar o mesmo que deitaste fora, três ou quatro vezes mais caro, porque estás a adquirir uma nova "relíquia"!
    Coisas do consumo, deste admirável mundo novo em que vivemos...

    Haja paciência!

    ResponderExcluir